Usinas reforçam prevenção contra a Covid-19 no início da safra de cana com aumento de casos em SP

Publicado em 23/04/2021 16:23 e atualizado em 23/04/2021 17:11 1076 exibições
Dinael Veiga - Supervisor de RH da Vale do Paraná
Diversas medidas têm sido adotadas pelas unidades de processamento de cana-de-açúcar do estado desde 2020 para proteção dos funcionários; setor também tem realizado doações ao setor público

Podcast

Entrevista com Dinael Veiga - Supervisor de RH da Vale do Paraná sobre Covid-19 nas Usinas

Download
 

LOGO nalogo

​Usinas de cana-de-açúcar têm reforçado a prevenção contra a Covid-19 neste início de safra em São Paulo, estado brasileiro que registrou novo aumento de casos neste início de 2021. A Vale do Paraná tem adotado extrema atenção para a situação na empresa desde o início da pandemia no ano passado, inclusive com auxílios do comitê da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).

“Esse um ano de pandemia, que começou em final de fevereiro de 2020, está sendo um ano de constante aprendizagem. Desde o início da pandemia, instituímos um comitê de crise para poder verificar e adotar medidas na empresa de acordo com os protocolos do setor... Continuamos aprendendo com esse cenário pandêmico”, afirma Dinael Veiga, supervisor de RH da Vale do Paraná.

A empresa adotou nos últimos meses diversos protocolos para a prevenção dos funcionários da área de produção, desde o transporte até adequações nos maquinários. Além disso, foi instituída a política de home office para colaboradores da Vale do Paraná que não precisariam necessariamente estar na indústria para seus trabalhos, inclusive com concessão de auxílios por parte da empresa.

“Semanalmente fazemos revisão de protocolo. A última, em função do aumento de casos na região, foi reforçar o uso dos EPI’s [Equipamentos de proteção individual] no transporte. Além da máscara e óculos, também passamos a fornecer desde a última semana protetores faciais para cada colaborador para trazer ainda mais segurança”, detalha Veiga, reforçando cuidado também com os familiares.

Nos últimos meses, a usina também tem colaborado com o setor público com o fornecimento de álcool. “Fazendo uma contabilização rápida, acredito que doamos mais de 40 mil litros de álcool na região, atendendo 17 municípios onde estão presentes colaboradores. A doação é constante porque a necessidade de prevenção também é constante e o álcool é um dos principais produtos do setor”, destaca Veiga.

Por:
Jhonatas Simião
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário