Clima em 2015 no Sul de Minas está bem melhor do que o registrado no ano passado e resultado é uma produção mais equilibrada

Publicado em 20/03/2015 16:33 105 exibições
Clima em 2015 no Sul de Minas está bem melhor do que o registrado no ano passado e resultado é uma produção mais equilibrada

O mês de março de 2015 que ainda não acabou já registra volumes de precipitações acima do que foi registrado durante todo o mesmo mês em 2014. São pelo menos 121mm de chuvas nesses 20 dias de março.

Segundo Éder Ribeiro dos Santos, coordenador de geoprocessamento da Cooxupé, nos três primeiros meses do ano passado, o déficit hídrico se concentrou no mês de janeiro e fevereiro, registrando leves melhores em março. Contudo, a granação de algumas lavouras já havia sido prejudicada mesmo com as chuvas retornando.

"Os grãos da safra de 2014 apresentaram baixo peso em função da falta de chuvas em janeiro e fevereiro", afirmou.

Durante o processo de cultivo, o café possui dois períodos onde a incidência de chuvas é essencial para o desenvolvimento da cultura. Sendo eles: o período da floração (até dezembro) e a enchimento do fruto pelo grão (de janeiro a março).

No período da florada, as chuvas que ocorreram no inicio de setembro foram suficientes para "estimular a abertura da florada, só que isso foi uma situação muito prejudicial porque não havia água suficiente para um bom desenvolvimento da florada", ressalta Santos.

Já em novembro, período onde aconteceu a terceira florada, as chuvas foram regulares, seguindo esses patamares até janeiro de 2015, onde as precipitações voltaram a ser irregulares em quantidade e volume, afirmou o coordenador.

Dessa forma, as temperaturas elevadas e a escassez de chuvas causaram um impacto no bom desenvolvimento do fruto.

"Nós notamos que as lavouras adultas estão apresentando rosetas um pouco mais ralas - poucos frutos - embora de maneira geral os frutos que estão nas plantas apresentam bom desenvolvimento e processo de granação", ressalta.

No entanto, o cenário em fevereiro de 2015 apresentou um bom volume de chuvas onde as plantas encontraram as condições necessárias para o desenvolvimento. "Nós observamos que na maioria das regiões já foram registrados excedentes hídricos, que é a agua acima da capacidade de armazenamento do solo", explica.

"Parece que as condições estão muito boas, e nos teremos frutos com bom peso e bom tamanho. A quantidade de frutos que nos poderíamos ter nas plantas foi inferior ao ideal, mas os frutos estão com bom desenvolvimento que pode compensar parcialmente o menos numero de grãos em função do maior peso", conclui.

Por:
Aleksander Horta // Larissa Albuquerque
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário