Pecuaristas de GO evitam confinamento, trocam bois erados por bezerros para fugir dos altos custos

Publicado em 30/04/2021 12:24 e atualizado em 01/05/2021 18:22 2530 exibições
Renato Esperidião - Pecuarista
Frigoríficos de GO recuam em R$10/@ a oferta pelo boi gordo no estado

Podcast

Entrevista com Renato Esperidião - Pecuarista sobre o Mercado do Boi Gordo

Download

LOGO nalogo

Com as altas nos custos de alimentação e animais de reposição, os pecuaristas na região de Goiânia/GO estão evitando o confinamento e estão trocando bois erados por bezerros para garantir a safra do próximo ano. A expectativa é que a engorda dos animais no segundo semestre venha a ser realizada pelos os grandes frigoríficos e confinadores, já que é preciso ter a alimentação adquirida. 

De acordo com o pecuarista da localidade, Renato Esperidião, as condições climáticas já começam a afetar a qualidade das pastagens e os pecuaristas estão entregando os animais às indústrias. “A oferta de boi de pasto não é o suficiente para alterar uma conjuntura de mercado e os preços”, afirmou em entrevista. 

A cotação do boi balcão está na faixa de R$ 290,00/@ a  R$ 292,00/@. “Esse é um valor abaixo do que observado nas semanas anteriores, que estava ao redor de 298,00/@ a R$ 300,00/@. Os pecuaristas que não conseguem esperar mais estão negociando os animais nos valores atuais”, comentou. 

Confira a entrevista completa no vídeo acima

Por:
Aleksander Horta e Andressa Simão
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário