Soja perde mais de 50 pts nesta tarde de 5ª com foco no clima nos EUA e ajustes pós-USDA

Publicado em 13/05/2021 14:07 5043 exibições
Mercado também segue pressionado com movimento de realização de lucros ante a véspera

LOGO nalogo

Os futuros da soja na Bolsa de Chicago recuam cerca de 50 pontos nos principais vencimentos nesta tarde de quinta-feira (13) com foco no clima nos EUA e realização de lucros. Às 13h48 (horário de Brasília), o julho estava cotado a US$ 15,92 e o setembro a US$ 14,38 por bushel.

O mercado acompanha nesta tarde a melhora no clima para o plantio norte-americano, além de movimentação técnica depois do salto na véspera refletindo os baixos estoques nos EUA, inclusive para a nova temporada, no relatório mensal de oferta e demanda do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA).

"Hoje, o mercado olha o USDA pelo retrovisor... Agora começa ganhar forças a condição de clima e plantio americano", afirma o analista Vlamir Brandalizze, da Brandalizze Consulting. "As chuvas começam a cair a partir de hoje em bom volume, temperatura subindo, e a safra americana vai andando", complementa.

No início da semana, o USDA trouxe que, até o domingo (09), o plantio da oleaginosa estava acima de 42%, sobre expectativa do mercado de 40%.

Também há atenção no financeiro, com perdas expressivas no petróleo no dia, e impactos em diversas outras commodities, com o agravamento da pandemia do coronavírus na Índia e reflexos da retomada das operações de um oleoduto de combustível dos Estados Unidos.

"Os preços também ficaram sob pressão, uma vez que o mercado de ações foi pressionado por preocupações com a inflação nos últimos dias", destacou a Reuters internacional.

Apesar da queda, o mercado também busca saber a extensão dos reflexos com os problemas na ponte Hernando de Soto, em Memphis. Autoridades locais descobriram uma rachadura em uma parte importante da infraestrutura e isso pode deixar a ponte a ponte fechada por meses.

Por:
Jhonatas Simião
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário