Ibovespa tem oscilações discretas e caminha para 3ª semana de alta

Publicado em 16/04/2021 11:52 40 exibições

LOGO REUTERS

O Ibovespa mostrava oscilações discretas nesta sexta-feira, em meio a ajustes após quatro altas seguidas, que devem assegurar o terceiro ganho semanal consecutivo, tendo o noticiário corporativo no radar.

Às 11:37, o Ibovespa caía 0,07 %, a 120.618,08 pontos. Na semana, porém, contabilizava um acréscimo de 2,5%.

O volume financeiro do pregão nesta sexta-feira era de 7,8 bilhões de reais.

"O Brasil nos últimos dias foi beneficiado pelo ambiente global melhor, mesmo sem muitas notícias domésticas boas em relação ao orçamento de 2021", afirmou o economista-chefe da SulAmérica Investimentos, Newton Rosa.

O último pregão da semana também era influenciado pelas operações visando o vencimento de opções sobre ações na bolsa paulista na segunda-feira.

A B3 também divulgou nesta sexta-feira a segunda prévia do Ibovespa que vai vigorar de 3 de maio a 3 de setembro, mantendo a entrada de Locaweb e incluindo Banco Inter Unit.

DESTAQUES

- PETROBRAS PN caía 0,8%, em dia de fraqueza do petróleo e com reunião do conselho para avaliar propostas de eleição do novo presidente e dos diretores executivos da companhia.

- CSN ON caía 0,5%, após interdição de terminal de exportação de minério de ferro da companhia no porto de Itaguaí. A companhia está tomando medidas para a manutenção das operações. CSN MINERAÇÃO ON cedia 1,1%.

- VALE ON oscilava ao redor da estabilidade, em sessão volátil no setor de mineração e siderurgia. GERDAU PN perdia 0,15% e USIMINAS PNA subia 0,7%.

- MINERVA ON recuava 4,1%, em sessão sem sinal único entre as empresas de proteínas, tendo no radar notícia de que o governo argentino adotou novo registro de exportação de carne bovina da Argentina.

- MRV ON avançava 2%, após prévia operacional do primeiro trimestre, com alta de 58% nos lançamentos, enquanto as vendas recuaram 3,2%.

- RUMO ON tinha alta de 1,41%, com analistas chamando a atenção para volumes fortes apresentados pelo braço de logística do grupo Cosan em março. (https://bit.ly/3uTon5k)

- ITAÚ UNIBANCO PN subia 0,3%, enquanto BRADESCO PN avançava 0,2%.

- MATER DEI ON caía 2,98% em estreia na B3, a 16,92 reais, após a rede de saúde precificar IPO mais cedo na semana a 17,44 reais por ação - um desconto de 20% em relação ao piso da faixa indicativa para a operação.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário