Fundecitrus lança projeto para contribuir com manutenção e incremento da riqueza econômica, social e ambiental da área de citros

Publicado em 22/03/2021 13:59 53 exibições

Para incentivar a produção responsável de alimentos, equilibrando segurança alimentar e preservação ambiental, o Fundecitrus – Fundo de Defesa da Citricultura apresenta o conjunto de ações “Citricultura Sustentável”, uma iniciativa voluntária dos produtores de citros e da indústria de suco de laranja do cinturão citrícola de São Paulo e Triângulo e Sudoeste Mineiro.

Para o presidente do Fundecitrus, o citricultor Lourival Carmo Monaco, o setor citrícola, de forma geral, já vem praticando a sustentabilidade em função, principalmente, do rigor das legislações trabalhista, ambiental e comercial brasileiras e das exigências dos diversos mercados internacionais que consomem o suco de laranja originado no Brasil.

“O ‘Citricultura Sustentável’ busca difundir as boas práticas agrícolas já adotadas e apoiar o pequeno e o médio produtor”, diz Monaco.

O Fundecitrus incorpora transversalmente os pilares da sustentabilidade em todas as suas atividades de pesquisa, inovação, intercâmbio de conhecimento, transferência de tecnologia e qualificação de citricultores e profissionais especializados. O “Citricultura Sustentável” amplifica os programas, projetos e ações da instituição, alcançando também os trabalhadores do campo, e intensifica tanto as preocupações de eficiência, como controle fitossanitário e produtividade, qualidade e longevidade dos pomares, quanto as ambientais, como a valorização da biodiversidade nos pomares.

Parcerias para o avanço

Gerido pelo Comitê de Sustentabilidade do Fundecitrus, que se reúne periodicamente para elaborar o planejamento e o cronograma de realização das ações, o “Citricultura Sustentável” consolidou parcerias com diversas instituições que compartilham dos mesmos valores defendidos pela iniciativa: Associação Brasileira de Estudos das Abelhas (A.B.E.L.H.A), Programa Aplique Bem, Colmeia Viva, Fundação Espaço Eco, GeoApis, Instituto Agronômico (IAC), Instituto Brasileiro de Regulação e Sustentabilidade Agro e Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp).

Doc série “Água”

Ao longo das próximas semanas, com lançamento em 24 de março, o “Citricultura Sustentável” disponibilizará a doc série “Água”, dividida em cinco episódios. Por meio de fontes respeitadas no universo científico e de histórias de pequenos e médios citricultores, o documentário aborda a importância estratégica e econômica da água para a viabilidade da vida e o desenvolvimento de cada região, independentemente de sua vocação, e como o setor citrícola colabora na preservação do meio ambiente, mantendo a vegetação nativa e reflorestando dentro das propriedades de citros, contribuindo para a conservação do solo, evitando erosões e o assoreamento de cursos d’água e cuidando ou reativando nascentes, muitas vezes utilizadas na fertirrigação dos plantios. A série apresenta também as principais evoluções tecnológicas da citricultura, como sistemas de irrigação mais eficientes, atendendo ao princípio de suprir anecessidade exata da planta, sem desperdício, e a adequação do volume de calda, com redução do uso de água e ingrediente ativo nas aplicações para controlar o greening e outras doenças. Assista ao trailer: https://youtu.be/mc4sX96BtOY

Altamente produtivo, gerando e compartilhando prosperidade

O cinturão citrícola de São Paulo e Triângulo e Sudoeste Mineiro, localizado na região Sudeste do Brasil e formado por mais de 350 municípios, é líder global na produção de suco de laranja, alimento bastante valorizado pela concentração de vitamina C, vitaminas do complexo B e potássio, além de flavonoides. A cada cinco copos de suco de laranja consumidos no mundo, três vem do Brasil. A citricultura gera cerca de 200 mil empregos diretos e indiretos, arrecada 189 milhões de dólares em impostos e movimenta a macro (nacional) e microeconomias (comunidades que têm no cultivo de citros considerável proporção da renda obtida). É também o único parque citrícola do mundo com produção em larga escala que vem conseguindo enfrentar o greening, a mais temível doença da citricultura.

Fonte:
Fundecitrus

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário