Geada congela os ânimos dos produtores de feijão e causa perdas no Paraná

Publicado em 01/05/2017 08:46 e atualizado em 01/05/2017 09:46 396 exibições

A geada que atingiu parte do Paraná nesta sexta-feira (28) deixa produtores rurais do Sudoeste do estado apreensivos. O feijão que crescia com potencial produtivo recorde foi atingido pela formação do fenômeno meteorológico. Ainda não é possível ter uma dimensão exata de como as lavouras foram afetadas, mas o Sindicato Rural de Pato Branco, por exemplo, diz que perdas são inevitáveis.

Oradi Francisco Caldato, presidente do Sindicato Rural de Pato Branco, diz que quando ocorrem geadas é preciso esperar alguns dias para ter noção da extensão do prejuízo. Mas pelos relatos e fotos que chegaram para ele é possível dizer que as perdas devem ficar em uma faixa entre 30% e 50% das lavouras da região. “Tem estrago com toda a certeza e em milho também. Hoje, 70% do milho [segunda safra] da região está em fase vulnerável e com essa geada pode azedar”, relata.

Leia a notícia na íntegra no site Gazeta do Povo

Fonte:
Gazeta do Povo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário