Café: Arábica e Londres têm dia de quedas com correção técnicas

Publicado em 10/05/2021 18:33 231 exibições
NY recuou mais de 400 pontos, enquanto Londres perdeu mais de US$ 20 por tonelada

LOGO nalogo

O mercado futuro do café arábica encerrou o primeiro pregão da semana com desvalorização para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). 

julho/21 teve queda de 485 pontos, negociado por 148,05 cents/lbp, setembro/21 teve queda de 480 pontos, negociado por 150 cents/lbp, dezembro/21 encerrou com baixa de 480 pontos, valendo 152,45 cents/lbp e março/22 teve queda de 480 pontos, valendo 154,55 cents/lbp. 

O mercado agora segue aguardando por novas informações da Colômbia e principalmente os primeiros relatos da colheita no Brasil, que deve começar nas próximas semanas na principal área cafeeira do Brasil. "Toda vez que a gente tem uma movimentação muito brusca, a tendência é do mercado realizar os ganhos e acho que é isso que a gente está observando hoje", comenta Guilherme Morya, analista de mercado do Rabobank. 

No curto prazo, o especialista acredita que o mercado ainda há espaço para preços firmes e com valorizações podendo chegar até 155 centavos de dólar por libra-peso em Nova York. "A gente não vê o porque um recuo muito forte no mercado de café. Até porque em Julho começa em inverno, aí o mercado começa a operar com ingrediente de clima", acrescenta. 

Em Londres, o café tipo conilon acompanhou e também teve um dia de desvalorização. Julho/21 teve queda de US$ 21 por tonelada, valendo US$ 1518, setembro/21 teve baixa de US$ 19 por tonelada, negociado por US$ 1542, novembro/21 encerrou com queda de US$ 19 por tonelada, valendo US$ 1558 e janeiro/22 teve baixa de US$ 20 por tonelada, valendo US$ 1571.

+ Café: Apesar de iniciar semana com baixas, cenário ainda é de preços firmes e com fundamentos de alta, avalia Rabobank

No Brasil, o mercado interno acompanhou e também encerrou com baixas nas principais praças produtoras do país. 

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve queda de 2,97% em Guaxupé/MG, negociado por R$ 817,00, Poços de Caldas/MG teve queda de 1,24%, valendo R$ 795,00, Varginha/MG teve recuo de 4,67%, valendo R$ 817,00 e Franca/SP teve queda de 1,78%, negociado por R$ 830,00.


O tipo cereja descascado teve queda de 2,82% em Guaxupé/MG, valendo R$ 860,00, Poços de Caldas/MG teve baixa de 1,18%, estabelecendo os preços por R$ 840,00, Varginha/MG teve queda de 4,44%, negociado por R$ 860,00 e Campos Gerais/MG teve baixa de 2,22%, estabelecendo a negociação por R$ 882,00.

>>> Veja mais cotações aqui

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário