Pecuaristas podem sofrer prejuízo com disparada nos preços

Publicado em 05/05/2021 10:53 1130 exibições
Grande demanda externa de grãos e encarecimento das oleaginosas no mercado interno são fatores que também desfavorecem o poder de compra do pecuarista.

O atual poder de compra de pecuaristas paulistas frente ao milho é o pior desde junho de 2016. Além desse fator, os valores da reposição seguem em patamares elevados, deixando a relação de troca do boi gordo frente ao bezerro - o que representa a pior da série histórica do Indicador do Cepea. O pecuarista que não fizer planejamento e montar estratégia poderá sofrer com grande prejuízo na produção.

Segundo pesquisadores do Cepea, nem mesmo as altas nas cotações do boi gordo ao longo de abril vêm ajudando a melhorar a relação de troca de arroba por um dos principais insumos de alimentação. Isso porque as valorizações do milho têm sido ainda mais fortes. Pesquisadores ressaltam que esse cenário é observado justamente em um período em que pecuaristas intensificam o uso de grãos na alimentação animal, tendo em vista a entrada do período mais seco do ano.

Ainda, os pecuaristas estão observando um cenário de grande demanda externa pelos grãos, não só o milho. A soja segue batendo recorde de volume exportado, o que acaba encarecendo a oleaginosa no mercado interno.

Considerando-se, também, os Indicadores CEPEA/B3 do boi gordo (estado de São Paulo) e ESALQ/BM&FBovespa do milho (Campinas - SP), enquanto no início de 2021 a venda de um quilo do boi gordo possibilitava a compra de 14,82 quilos de milho, no mês de abril o pecuarista conseguiu adquirir apenas 13,09 quilos do insumo.

Em abril do ano passado, a venda de um quilo de boi rendia 15,08 quilos de milho, ou seja, a relação de troca atual está 13,2% pior. 

Fonte:
FAESP

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

1 comentário

  • nelson jose camolesi bauru - SP

    Com o preço da saca de milho a R$ 99,00, temos que o kg de milho em SP vale R$ 1,65. Segundo o autor deste artigo (FAESP), com 1 kg de boi gordo poderiamos comprar 13,09 kg de milho, o que significa o valor de um kg de boi gordo vale 13,09xR$1,65 = R$ 21,60. Logo se estamos falando de kg de boi gordo, temos que um boi de 550 kg estaria valendo a bagatela de R$ 11.880,00 reais. Fica evidente que o autor usou o preço de 1 kg de carcaça e não 1 kg de boi gordo para fazer a comparação. Esta mesma conta já foi utilizada em outro artigo publicado na semana passada neste site, porém assinada pelo CEPEA. Estou alertando para a falta de revisão que campeia entre nas notícias aqui publicadas e que podem induzir os leitores a erros graves.

    2