Publicidade

Scot Consultoria: Alta no preço do leite pago ao produtor em julho, a quarta consecutiva

Publicado em 02/08/2021 09:01 47 exibições

Os preços do leite ao produtor subiram no pagamento realizado em julho, que remunera a produção entregue em junho último. Foi a quarta alta consecutiva.

Considerando a média nacional ponderada dos 18 estados pesquisados pela Scot Consultoria, o aumento foi de 3,7%.

A maior concorrência entre as indústrias pela matéria-prima e o aumento nos custos de produção têm pesado sobre o mercado de leite.

Apesar da produção de leite aumentando no Sul do país, na média nacional, o volume captado em junho caiu 2,5% na comparação mensal e está 4,0% abaixo em relação a junho do ano passado, segundo o Índice Scot Consultoria de Captação.

Para o pagamento a ser realizado em agosto/21, referente a produção entregue em julho/21, 62% dos laticínios pesquisados apontam para estabilidade no preço do leite ao produtor, 35% estimam alta e 3% falam em queda no preço do leite.

Publicidade

No Brasil Central e regiões Sudeste e Nordeste o mercado deverá seguir mais firme, entre manutenção e alta no preço do leite, ao passo que no Sul do país, uma parcela maior das indústrias estima estabilidade (85%), enquanto o restante já fala em queda ao produtor.

Com relação aos custos de produção da atividade leiteira, houve alta de 2,9% em julho, frente ao mês anterior. Na comparação ano a ano, os custos da atividade estão 32,9% maiores este ano.

No atacado, a queda na produção de leite, alta no preço da matéria-prima e a margem pressionada dos laticínios levaram as indústrias a trabalharem com estoques mais enxutos, melhorando o poder de negociação com o varejo. O leite longa vida (UHT) apresentou significativa alta em julho, de 7,9% na comparação mensal. Os preços dos queijos, do creme de leite e do leite em pó também subiram, respectivamente, 4,1%, 0,9% e 4,0%. 

No mercado varejista, considerando a média de todos os produtos pesquisados em São Paulo, na comparação mês a mês, houve ligeira alta de 0,7% nos supermercados.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário