Boi Gordo, por Scot Consultoria: Mercado estável em São Paulo

Publicado em 14/05/2021 16:55 184 exibições

Guilherme Ibelli

zootecnista

Scot Consultoria

O mercado abriu estável para todas as categorias destinadas ao abate. O consumo interno lento e as programações de abate alongadas sustentam este cenário. 

Diante disso, o boi, a vaca e novilha gordos estão apregoados, respectivamente, em R$306,00/@, R$284,00/@ e R$298,00/@, preços brutos e a prazo. 

Minas Gerais – Belo Horizonte

Na região, com a melhora nas ofertas, os preços caíram R$1,00/@ para o boi, vaca e novilha gordos. 

Com isso, o boi gordo ficou cotado em R$294,00/@, a vaca gorda em R$284,00/@ e a novilha gorda em R$285,00/@, preços brutos e a prazo.

Mato Grosso – Sudoeste 

A maior oferta também causou queda R$1,00/@ para o boi gordo na comparação diária. Assim, o boi gordo está sendo negociado em R$300,00/@, preço bruto e a prazo. A cotação da vaca e da novilha gordas está estável, cotadas em R$291,00/@ e R$292,00/@, nesta ordem, nas mesmas condições.

Atacado com osso

Os preços das carcaças dos animais castrados e inteiros caíram na comparação feita dia a dia. Com poucos negócios e o mercado mais "frio", o escoamento das peças esteve baixo.

A carcaça do animal castrado está sendo comercializada por R$18,75/kg, e do inteiro por R$18,18/kg, quedas de 1,6% em ambas as carcaças, na comparação feita dia a dia.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário